Intermarket Corretora de Seguros
Notícias
25/05/2011

Nova classe C deve impulsionar crescimento de seguros no Brasil

 

O crescimento do mercado de seguros mundial nos próximos 10 anos deverá ser influenciado principalmente pelos países emergentes. No Brasil, de acordo com a consultoria Accenture, a migração das classes D e E para a classe C e o aumento do poder de compra da população serão os principais responsáveis pelo maior faturamento.

“Quem está mais suscetível a achar que precisa de proteção contra a perda de um bem que antes não possuía e que é muito caro para ela, tanto no sentido de valor quanto no sentido de estima? É a nova classe média”, aponta o líder da área de seguros da consultoria Accenture, Raphael de Carvalho.

Segundo o executivo, este crescimento está embasado especialmente no aumento do poder aquisitivo das classes mais baixas, que têm conseguido comprar mais e acumular um maior número de bens duráveis.

“A maior correlação de venda de seguro de automóvel é a quantidade de automóveis que temos nas ruas. Estamos passando por um crescimento exponencial nos últimos quatro anos da frota de veículos do País, e isso está acontecendo porque as pessoas estão tendo a chance de comprar o seu primeiro automóvel”, exemplifica o Carvalho.

Além dos automóveis, o executivo cita o maior consumo de bens como eletrodomésticos e computadores, que utilizam o seguro de garantia estendida. “Este seguro dá uma garantia adicional àquela de fábrica. E o aumento da venda desse tipo de seguro obviamente está correlacionado à maior venda de bens duráveis. E quem é que está comprando esses bens duráveis? A nova classe C”, diz Carvalho.

Crescimento no mundo

De acordo com uma pesquisa da Accenture, os mercados emergentes serão responsáveis por 60% da expectativa de crescimento do faturamento das seguradoras nos próximos 10 anos. Até 2015, segundo a consultoria, existe um potencial de crescimento entre US$ 400 bilhões e US$ 600 bilhões nos mercados maduros e entre US$ 650 bilhões e US$ 900 bilhões nos mercados emergentes.

Em 2009, de acordo com a Accenture, o mercado de seguros mundial registrou um faturamento de US$ 5,14 trilhões. “Os mais otimistas acham que os mercados emergentes podem chegar a até 30% do total do faturamento dos seguros do mundo em dez anos. Hoje, este número está abaixo de 15%”, ressalta Carvalho.

 


Fonte: Infomoney

Voltar
Av. Clara Nunes, 510 sala 04 - Bairro Renascença . Belo Horizonte | MG . CEP.: 31130-680 . Tel. 31 3421-2977 Fax. 31 3425-1800